Your browser does not support JavaScript!

Blog

Algumas curiosidades sobre a prática da corrida. Fique atento!

Correr queima calorias, define os músculos, reduz as taxas de estresse e melhora a saúde do coração, além de ser muito prático e barato: é só calçar um par de tênis e começar. Em comemoração ao National Running Day, o site da revista americana Health listou sete dados surpreendentes sobre esta prática. Confira:

Os seios pulam muito mais do que se pensa
Pesquisadores ingleses da Universidade de Portsmouth descobriram que os seios não ficam só subindo e descendo durante a corrida, eles também se mexem de um lado para o outro e de fora para dentro. Estes movimentos bruscos podem danificar alguns ligamentos Coopers, causando flacidez prematura, por isso é essencial usar tops que dêm o suporte adequado aos seios e que minimizem o máximo possível estes movimentos.

Corredores estão mais aventureiros e sujos
Em 2013, mais pessoas completaram provas com obstáculos e corridas na lama do que maratonas e meia-maratonas convencionais. Estima-se que 4 milhões de corredores participaram destas provas não-tradicionais. No entanto, as corridas mais frequentadas e populares ainda são as provas de 5 km, que foram feitas por 6,2 milhões de pessoas em 2012

As pessoas são mais rápidas aos 20 do que aos 18 anos
Um estudo espanhol comparou as idades e tempos de prova de corredores da Maratona de Nova York em 2010 e 2011 e concluiu que os homens são mais rápidos aos 27 anos e as mulheres aos 29. Em outras idades, notaram que as pessoas eram 4% mais lentas a cada ano antes desta média e 2% nos anos depois. Assim, um maratonista de 18 anos corre quase na mesma velocidade que um atleta de 60.

publicidade

Percorrer longas distâncias é mais fácil aos 90 anos
A pessoa mais velha a completar uma prova foi o inglês Fauja Singh. Ele tinha 101 anos quando correu a Maratona de Londres em 7h49min21s, em 2012. Atualmente ele está vivo e completou 103 anos. Já a havaiana Gladys Burrill é a mulher mais velha a ter o mesmo feito: em 2011 e aos 92 anos, ela cruzou a linha de chegada da Maratona de Honolulu em 9h53min16s.

Correr queima muitas calorias
Para simplificar, dizem que 100 calorias são gastas a cada 1,6km percorridos, mas a queima varia de acordo com o peso, ritmo e preparação física. Uma boa fórmula é multiplicar o peso em libras (0,45kg) por 0,63 e então pelo número de quilômetros da prova. Assim, se uma mulher de 68kg corre 9,6km, ela queimará 567 calorias. Se uma pessoa mais magra corre a mesma distância, ela gastará menos calorias, por isso o ideal é sempre ir cada vez mais rápido e longe para manter a queima calórica em alta.

Correr pode ser uma exigência profissional
O teste básico de aptidão física do exército americano tem três partes: flexões, abdominais e uma corrida de 3km que tem limites de tempo para ser feita. Estas exigências são fundamentais se os soldados quiserem subir de patente.

Mulheres dominam as pistas
As mulheres representam 56% do total de 15,5 milhões de pessoas que completaram alguma corrida em 2012, de acordo com a organização Running USA. As meia-maratonas (21,1 km) são as provas preferidas do público feminino e têm uma proporção de 61 mulheres para cada 39 homens. Na verdade, as maratonas (42,1km) são as únicas provas com maioria masculina.

 

terra.com.br

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someonePin on PinterestShare on Reddit

Comente

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> 

Obrigatório